Postagem em destaque

Debate para o governo de São Paulo - TV Band - 16/08/2018

Participaram do evento: João Doria (PSDB), Lisete Arelaro (PSOL), Luiz Marinho (PT), Marcelo Cândido (PDT), Márcio França (PSB), Paulo Sk...

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

'Ela salvou meu filho', diz marido de passageira que morreu em acidente na Imigrantes

Juliana Alves morreu no acidente grave na Rodovia dos Imigrantes; o marido Wesley e o filho de um ano ficaram feridos (Foto: TV Globo/Reprodução)


Acidente envolvendo Mercedes e EcoSport matou duas mulheres; ambos os motoristas estavam com CNH cassada.


Um dos sobreviventes do acidente trágico envolvendo dois carros que resultou em duas mortes na Rodovia dos Imigrantes, Wesley Gomes Bispo disse que a mulher Vitória Furlanetto foi fundamental para salvar o filho no acidente.

Vitória e outra mulher que estavam na EcoSport de Bispo, Juliana Gamarra, morreram no acidente ocorrido no km 29 da rodovia, no sentido São Paulo, altura de São Bernardo do Campo, na noite desta terça-feira. No carro estavam 8 pessoas de duas famílias.

“Acordei com a pancada e com o carro rodando, abri o olho ninguém gritava dentro do carro, eu segurei na porta e o carro rodava, rodava, e nunca parava de rodar”, afirmou Wesley. Ele era um dos ocupantes do Ford Ecosport que saiu da estrada após ser atingido por outro veículo, e pegar fogo.

“Vi minha esposa desmaiada com meu filho no colo meio pra fora. Foi ela que salvou meu filho. Aí minha esposa acordou e me gritou, falei calma já tô saindo, saí do carro peguei meu filho. Tentei tirar minha esposa aí meu carro começou a pegar fogo”, relembra Wesley.

Wesley e Vitoria completariam nesta quarta três anos de casados. Eles e o filho de um ano e meio foram passar uns dias em Praia Grande, no litoral, com outro casal de amigos e seus três filhos que estavam no carro. Era o casal André Gonçalves e Juliana (que morreu) e os filhos de 1, 3 e 5 anos. Era uma viagem especial para mostrar a praia para as crianças pela primeira vez.

Depoimento do Empresário

Em depoimento ele disse que estava dentro da velocidade limite e que foi fechado por André Gonçalves, motorista da EcoSport. Testemunhas relataram que ele estaria participando de um racha com outro carro de luxo.

As duas famílias moram no limite entre Suzano e Ribeirão Pires, na Grande São Paulo. O acidente foi na volta para casa pela Imigrantes.

Segundo a polícia, as crianças estavam no colo das mães e não usavam cinto de segurança. As duas mulheres com as quatro crianças estavam nos bancos traseiros.

Testemunhas dizem que o motorista da Mercedes estaria realizando um racha com outro carro de luxo, que não foi encontrado. A Mercedes, segundo a testemunha, estava a mais de 200 km/h, vindo do litoral e subindo pela Imigrantes.

Motoristas que passavam pela área usavam mais de 10 extintores de incêndio para apagar as chamas dos veículos.

Acidente na Rodovia dos Imigrantes deixou dois mortos  (Foto: Fernanda Garrafiel/G1)“Estávamos retornando de um serviço que estava fazendo no litoral. Eu estava mais ou menos 110 km/h quando passou um Camaro do lado esquerdo e essa Mercedes do lado direito - a mais de 200 km/h, porque do jeito que eu estava, ela passou muito rápido pela gente”, afirmou o técnico de fibra óptica Thiago Ronaldo, que presenciou o acidente.

“O acidente aconteceu bem atrás - e aconteceu inclusive atrás do nosso veículo. A Mercedes estava vindo pela esquerda - já havia acontecido o acidente. Os estilhaços pegaram no nosso carro, inclusive até achei que tinha batido no nosso carro, mas foi só os estilhaços. E ela passou cortando da esquerda e veio direto para o mato”, afirmou o estudante Jonathan Freitas.

A polícia investiga o que provocou o acidente. Uma das hipóteses é a de que o empresário que dirigia o carro que provocou o acidente estivesse disputando corrida na estrada, já que as testemunhas viram dois carros correndo muito.


Feridos


A maioria das vítimas foi levada para o Hospital Central de São Bernardo do Campo, entre elas três irmãos, de 1, 3 e 5 anos. Veja o estado de saúde de cada um deles:

uma criança de 1 ano teve problema pulmonar e foi transferido para Hospital Mário Covas, em Santo André

um menino de 3 anos fraturou o fêmur e será transferido para Hospital Selharia, em Diadema

uma menina de 5 anos está em estado de observação no hospital de São Bernardo

um menino de 1 ano, de outra família, teve sangramento no fígado e será levado para Hospital São Paulo

André Gonçalves, motorista da Ecosport, teve traumatismo craniano e há suspeitas de que ele tenha fraturado a coluna

outro homem que estava no veículo também está em estado de observação no Hospital do ABC.


fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMPARTILHE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Scorpions - The Concert Live in Munich - Show Completo

Flagra! Chevrolet Spin renovada é vista disfarçada antes da estreia