Postagem em destaque

China alerta para a pneumonia “mais mortal que a Covid-19”

O mundo está em risco. Prenúncio de tragédias inundam as redes sociais. A embaixada da China no Cazaquistão alertou neste final de s...

sábado, 7 de dezembro de 2019

Lançamento - GM traz Equinox 1.5 turbo para ampliar mercado

GM traz Equinox 1.5 turbo para ampliar mercado




Chevrolet Equinox com motor 1.5 turbo chega em três versões: LT e Midnight com tração 4x2 e Premier AWD

Com opção mais barata a partir de R$ 130 mil, modelo estreia na faixa de maior demanda do segmento de SUVs

A General Motors completou sua lista de 11 lançamentos prometidos no Brasil em 2019 com duas versões do Chevrolet Equinox, que chegam às concessionárias em janeiro equipadas com motor a gasolina turbo 1.5 de 172 cavalos e torque máximo de 28 kgfm, acoplado à transmissão automática de seis velocidades e tração 4x2 ou 4x4, que parte de R$ 130 mil e chega a R$ 155 mil na opção de topo. Fabricado no México e lançado aqui há quase dois anos, até agora a GM só trazia uma única versão do SUV médio-compacto, a Premier 2.0 de exagerados 262 cv e 37 kgfm de torque, com câmbio automático de nove marchas e tração integral nas quatro rodas, que na linha 2020 passa a custar R$ 163 mil.



Chevrolet Equinox 1.5T Premier preserva o acabamento interno similar ao da versão 2.0Com opções mais baratas, a GM amplia significativamente as perspectivas do Equinox, que apesar do crescimento da categoria de SUVs médios no País, nunca passou da média de 500 unidades emplacadas por mês e este ano caiu desse nível para menos de 300, devendo fechar 2019 com menos de 5 mil veículos vendidos. Agora, com suas versões 1.5, o modelo entra na faixa de R$ 100 mil a R$ 160 mil, que concentra 70% das compras de SUVs, o segundo maior segmento do mercado brasileiro que este ano até novembro representa 22% das vendas de veículos leves.


Rodrigo Fioco, diretor de marketing de produto da GM Brasil, evita divulgar as projeções de crescimento de vendas do Equinox este ano, mas reconhece que as novas opções têm potencial para dobrar os emplacamentos do modelo em 2020.

“O que impulsiona o segmento de SUVs no País é a faixa de modelos abaixo de R$ 160 mil. Estávamos um pouco acima dessa média com o Equinox 2.0. Com o 1.5 estaremos onde acontecem 70% das vendas e esperamos poder dobrar o desempenho”, diz Rodrigo Fioco.


Contudo, em um primeiro momento o executivo projeta que metade das vendas do Equinox vão continuar sendo da versão 2.0. “Nós ainda não sabemos exatamente como o mercado vai se comportar porque nunca oferecemos a opção 1.5 antes”, explica. Mas ele avalia que é baixo o risco de canibalizar vendas da própria GM no País, que também vende o SUV compacto Tracker, hoje na faixa de mil unidades/mês, também importado do México e que deve ser nacionalizado em 2020, a ser fabricado em São Caetano do Sul (SP). “São dois carros e dois clientes diferentes”, pondera.
QUALIDADES PARA COMPETIR

A GM considera que o Jeep Compass 2.0 Flex AT6 e o Volkswagen Tiguan 1.4 TSI DCT6 são os concorrentes mais próximos do novo Equinox 1.6 AT6 no mercado brasileiro. É conveniente, pois o SUV Chevrolet é mais potente e mais econômico em relação aos dois competidores. Segundo medições da GM, o Equinox 1.6 com câmbio automático de seis velocidades vai de zero a 100 km/h em 9,2 segundos, contra 10,6 do Jeep e 9,5 do VW (este equipado com transmissão de dupla embreagem e seis marchas). O consumo de gasolina em estrada de 11,7 km/l é igual ao do Tiguan e melhor do que os 10,8 km/l do Compass, enquanto em uso urbano o gasto de 9,5 km/l bate os 8,8 km/l do Jeep 2.0 e está um pouco acima dos 10,1 km/l do SUV da Volkswagen.

Na opção 1.5 do Equinox a GM introduziu a versão especial Midnight, com acabamento em preto por dentro e por fora


Avaliado no Campo de Provas Cruz Alta da GM, em Idaiatuba (SP), em pista com diversos tipos de piso e sinuosidade, o Equinox 1.5 não fica devendo muito ao 2.0. Claro, não tem respostas tão nervosas quanto as do motor maior, mas o desempenho é bastante adequado, mais que suficiente para estrada ou cidade. O comportamento dinâmico é seguro, o controle eletrônico de estabilidade compensa o centro de gravidade mais alto comum a qualquer SUV. É um carro fácil e confortável de dirigir, que preserva a aceleração ágil da motorização 
nada.

Chevrolet Equinox 1.5T Premier (4x4 AT6): R$ 154.990
Principais equipamentos: acrescenta à versão LT, abertura sensorial do porta-malas; alerta de colisão frontal com frenagem ativa (AEB); alerta de detecção de pedestre com frenagem ativa (AEB); alerta de ponto cego com sensor de aproximação; alerta de movimentação na traseira; assistente de permanência em faixa de rodagem (LKA);assistente de estacionamento automático lateral e perpendicular; banco do motorista com memória de posições; carregador sem fio para smartphone; faro, full LED com facho adaptativo; partida remota; sistema de som Bose; rodas aro 19”, teto solar panorâmico ele´trico; tração integral AWD.

• Chevrolet Equinox 2.0T Premier (4x4 AT9): R$ 162.990
Principais equipamentos: acrescenta à versão 1.5 Premier, câmbio automático de nove velocidades; sistema start-stop; escapamento duplo com ponteira cromada; sistema de redução de ruído externo; grade ativa do radiador.

fonte: Automotive Business

Nenhum comentário:

Arquivo do blog