Postagem em destaque

Fique atento! Criminosos disfarçados de funcionários da EDP aplicam golpes em São José, SP

Criminosos disfarçados de funcionários da EDP, concessionária de energia que atende 19 cidades da região, aplicam golpes em clientes em ...

terça-feira, 28 de novembro de 2017

O que esperar da nova gestão de representantes dos Sindicatos dos Metalúrgicos de São José na próxima eleição em 2018

Resultado de imagem para sindicato sjc fabrica
Na próxima quinta-feira , associados do Sindicato dos Metalúrgicos de São José escolherão os três membros da Comissão Eleitoral, que conduzirá as eleições de 2018; pleito terá que ser realizado até o final de maio
Xandu Alves@xandualves10
Mais cobiçado sindicato da RMVale, o dos Metalúrgicos de São José dos Campos, cuja base tem mais de 42 mil trabalhadores em cinco cidades, vai ter o primeiro "round" da disputa eleitoral de 2018 na próxima quinta-feira.
Associados da entidade terão que escolher, em assembleia, na sede do sindicato, os três membros que farão parte da Comissão Eleitoral.
Os escolhidos terão a responsabilidade de conduzir as eleições para a próxima diretoria da entidade, que comandará o sindicato entre os anos de 2018 e 2021.
Pelas regras, o pleito sindical terá que ser feito até maio de 2018 -- a Comissão eleitoral tem que ser instaurada seis meses antes da posse da nova diretoria.
Trata-se da primeira "batalha" eleitoral entre a situação e a oposição metalúrgica, que movimenta bem mais do que sindicalistas e trabalhadores.
Em reportagem neste mês, OVALE mostrou a atuação, nos bastidores, de políticos e empresários para derrotar a atual diretoria do sindicato.
Segundo Renato Almeida, secretário-geral do sindicato, a comissão irá "garantir a democracia e transparência da eleição". Os membros dela serão escolhidos pelos associados, em chapas apresentadas pela situação e oposição.
"Trabalhador é quem vai escolher. Processo único, rápido para apresentar os nomes e votar. A diretoria indica e a oposição também, se quiser", afirmou o secretário.
Oposição defende membro em Comissão Eleitoral para 'garantir a lisura' em pleito
Membro do grupo de oposição ao Sindicato dos Metalúrgicos de São José, Luis Fabiano Costa, trabalhador da GM, defendeu a presença na Comissão Eleitoral. "É fundamental ter alguém da oposição para garantir a lisura no processo". Segundo ele, a chapa que disputará a eleição em 2018, pela oposição, ainda não está formada. "Estamos discutindo"..

fonte: O Vale
Postar um comentário

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

COMPARTILHE