Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 8, 2017

'Como anos de pílula anticoncepcional me trouxeram depressão e ataques de pânico'

Milhares de mulheres confiam diariamente na pílula anticoncepcional e estão felizes, mas algumas afirmam que ela pode ter um efeito devastador na saúde mental de quem a toma. Vicky Spratt, editora-adjunta do The Debrief, site de comportamento para o público feminino jovem, é uma delas, e descreveu para a BBC seus anos de depressão, ansiedade e pânico enquanto tentava diferentes tipos de pílula: Eu fui ao consultório da minha médica com minha mãe e contei que minha menstruação estava durando três semanas. Ela me disse que a pílula anticoncepcional podia ajudar. Avisou que isso não me protegeria de doenças sexualmente transmissíveis e que, se eu tivesse relações sexuais sem proteção, poderia ter câncer cervical. Então, era melhor que eu usasse a pílula com sabedoria. Ela tinha de dizer tudo isso, apesar de eu ter 14 anos e sexo não estar muito entre minhas prioridades. A receita médica foi impressa na recepção. Estava, assim, abastecida por três meses com uma pílula combinada

Para onde Donald Trump levará o mundo

Às vésperas de assumir a presidência dos Estados Unidos, Donald Trump protagoniza uma série de confusões envolvendo de Hollywood à China. Com o mesmo tom agressivo usado na campanha, ele chegou a comparar os tempos atuais à Alemanha nazista O 45º presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assume o cargo mais cobiçado da política internacional na próxima sexta-feira 20. Ele ainda nem chegou ao Salão Oval da Casa Branca e suas medidas populistas e reações exacerbadas já assustam o mundo. Nas semanas que antecederam a cerimônia da posse, Trump se meteu em várias confusões: brigou com a imprensa por conta de um suposto dossiê relatando negócios escusos e orgias com prostitutas; xingou a atriz Meryl Streep pelas críticas endereçadas a ele durante um discurso na cerimônia de entrega do prêmio Globo de Ouro; se contradisse a respeito de ataques feitos por hackers russos à campanha eleitoral adversária e, se não bastasse, começou um incidente diplomático com China e Taiwan. Tudo isso,

Alexandre de Moraes, o homem errado

O ministro da Justiça fala demais, compra brigas desnecessárias e insiste num plano de segurança que tem tudo para fracassar O amplo gabinete no 4º andar do Palácio da Justiça sempre foi um dos mais disputados de Brasília. Quem se senta na cadeira de ministro da Justiça tem à vista, subitamente, uma montanha de poder político – e uma montanha igualmente imensa de encrencas. Boa parte dos problemas do governo passam pelo Ministério da Justiça. É uma Pasta balofa. Tem orçamento de R$ 14 bilhões e 12 secretarias, além da Polícia Federal e da Rodoviária Federal. Cuida de índios, de anistias políticas, de estrangeiros, de presídios, de cartéis, de direitos humanos. Cuida da relação do governo com os Tribunais Superiores. Até o Arquivo Nacional está nesse mafuá estatal. O ministro da Justiça coordena, por fim, a segurança pública do país. No gabinete dele, não entra solução: só entra problema. Quando o ministro (nunca houve uma ministra) é fraco, o problema que entra no gabinete encontr

Polícia teme retaliação de facção em prisões de São Paulo

Um documento obtido por ÉPOCA revela que facção planeja ataques no estado. Pela primeira vez, chefes foram colocados simultaneamente em cárcere duro.   Até o mês passado, a cúpul a da  maior facção criminosa do Brasil, o Primeiro Comando da Capital (PCC), repetia uma rigorosa rotina de exercícios físicos dentro da Penitenciária 2 de Presidente Venceslau, no interior de São Paulo. Com equipamentos improvisados com cabos de vassoura e garrafas PET cheias de água, os chefes do PCC fortaleciam o bíceps na prisão de segurança máxima que concentrava, até então, todo o  comando da organização. Marco Willians Camacho, o Marcola, considerado o cabeça do bando, ia além: turbinava os efeitos da musculação com whey protein, a proteína do soro do leite que, em academias de verdade, ajuda os marombeiros a ganhar massa. Para relaxar, o grupo terminava o banho de sol com uma partida de futebol. Esses encontros descontraídos foram interrompidos em 14 de dezembro. Pela primeira vez, numa mes

Defeitos: Perda de potência nos motores da Hilux e SW4

Alaor: perda de potência e troca de turbina duas vezes (Marcelo Curia) Hilux e SW4 fabricadas de 2006 a 2013 apresentam carbonização no motor. Toyota já emitiu à sua rede dois boletins para tentar sanar o problema A picape Toyota Hilux e sua versão SUV, a SW4, são reconhecidas pelo público pela fama de serem quase indestrutíveis. Mas nem isso impediu que os dois modelos apresentassem um problema de carbonização nos seus motores a diesel produzidos entre 2006 e 2013. E o fato já é bem conhecido pela Toyota, que chegou a distribuir para sua rede de concessionárias dois boletins de serviço. O primeiro, intitulado BS019/09 e emitido em 14 de abril de 2009, para Hilux e SW4, fala sobre a excessiva “emissão de fumaça preta devido ao mau funcionamento da Válvula EGR”, que pode ficar travada. O segundo boletim chama-se BS060/09, de 28 de outubro de 2009, por conta da “cavitação do acento dos injetores”. Segundo esse do­cumento, a falha provoca perda de potência, marcha lenta ir

Casada a dois meses, professora descobriu traição do marido faz ensaio fotográfico para celebrar divórcio

Era para a professora capixaba Josi Manhães, 36 anos, estar curtindo aquela fase "lua de mel" de seu casamento. Mas, após dois meses de união, ela descobriu uma traição e  o relacionamento chegou ao fim para surpresa de parentes que sempre viram o casal como perfeitos um para o outro. Para avisar aos amigos, ela fez desabafo com muita polêmica em rede social e resolveu ilustrar o novo status de relacionamento com ensaio fotográfico e sensual na Praia dos Padres, em Guarapari, no Espírito Santo. O assunto acabou ganhando destaque na internet nesta terça-feira, 10. Após 11 anos de namoro, ela fez questão de escrever uma carta e alertou as mulheres. “Carta para o amor que acabou!  Obrigada por ter sido apenas por dois meses meu engano. Obrigada por não usufruir mais do meu sorriso, do meu corpo, da minha companhia, da minha alma, de tudo que com total sinceridade te entreguei. Obrigada por ter me feito acreditar em contos de fadas pelo menos ‘uma vez’ na vida. Obriga