Postagem em destaque

VW Fusca 1965 foi presente que veio de surpresa

O feirante Leandro Mendes ganhou o Fusca da esposa; ‘Besouro’ havia sido objeto de uma rifa, após passar por restauração completa O b...

domingo, 8 de julho de 2018

2006-2007: Um Novo Começo





 Em setembro de 2006, Whitney se divorcia do cantor Bobby Brown depois de um casamento cheio de polêmicas, brigas e envolvimento com drogas, Houston decide pedir o divórcio e aparece solteira, feliz, recuperada e linda no Society Of Singers ELLA Awards acompanhada de seu produtor Clive Davis e de sua prima, a diva Dionne Warwick. 


Em 28 de outubro de 2006, Whitney fez uma aparição surpresa no 17th Carousel of Hope Ball e foi ovacionada por todos no evento beneficente. Whitney estava deslumbrante em um vestido preto, longo e justo da grife Armani e usava brincos e pulseira de diamantes que realçavam ainda mais sua beleza. Muito assediada por todos os presentes e principalmente pelos fotógrafos, Whitney “roubou” a cena e foi a celebridade mais comentada em canais de TV e revistas por todo o mundo e dizia repetidamente “eu me sinto ótima”. A aparição de Whitney foi tão fascinante que fez com que a cantora Katherine McPhee, que se apresentaria na noite, desistisse de cantar a música prevista e a homenageasse com seu clássico “I Have Nothing", lindamente interpretado. 

Em dezembro de 2006, Whitney foi destaque de capa da revista “Raça Brasil” devido a sua vitoriosa recuperação do vício das drogas e álcool, além do recente divorcio de Bobby Brown. A grande volta da DIVA irá acontecer em 2009 com seu novo CD, promessa de um grande retorno e um trabalho fantástico, de acordo com seu empresário e produtor Clive Davis! 

Durante a festa que antecede os Grammys, oferecida por Clive Davis no Beverly Hilton Hotel, no dia 10 de fevereiro, Whitney esteve presente e foi a celebridade que mais atenções reuniu naquela noite. Caminhou pelo tapete vermelho de braço dado com Davis e várias celebridades que estavam na festa foram questionadas, sobre suas opiniões, a respeito da cantora. 

De acordo com fontes próximas à cantora, Whitney está pronta para um grande retorno com um disco de originais. Está dando mais atenção à filha Bobbi Kristina e completamente dedicada à sua nova produção fonográfica. A cantora vive agora em Laguna Beach, próximado seu consultor contra as drogas, Warren Boyd, o mesmo que ajudou Courtney Love a superar o vício. Segundo Davis, eles já começaram a trabalhar no novo álbum, que será um trabalho fantástico. 

Ainda em 2007, Whitney foi eleita mais uma vez a "A Rainha da Balada", pelo site BlackAmericanWeb, que coloca em destaque a sua trajetória como cantora e todos os seus feitos. 

Em Setembro deste ano, a cantora assinou um novo contrato com a Arista Records por incríveis 100 milhões de dólares. O acordo com o selo prevê diversos álbuns, o que pode colocá-la de novo entre os grandes nomes da música-norte. 

No dia 18 de outubro, Whitney fez uma aparição surpresa no Swarovski Fashion Rocks, em Londres, onde foi ovacionada pelos presentes, entre os quais Donatella Versace. Usava um vestido branco Valentino. Sua voz estava bem mais firme que em outras aparições. 

No mesmo ano foi lançada uma nova coletânea intitulada Whitney Houston: The Best So Far, onde reúne os maiores sucessos de sua carreira. O álbum entrou na lista dos mais vendidos ocupando a #3 posição na Inglaterra, #5 nos EUA e #9 no Brasil.


1992-1997: Afirmação Profissional



Em 1992, Whitney fez seu primeiro filme, O Guarda-Costas, o qual protagonizou junto com Kevin Costner. Sucesso de bilheteria, arrecadando mais de 500 milhões de dólares no mundo todo, o filme teve uma trilha-sonora caprichada e Whitney gravou seis novas canções para a trilha-sonora do filme, incluindo uma versão do clássico de Dolly Parton, "I Will Always Love You" A canção"I Have Nothing" foi indicada ao Oscar de Melhor Canção Original. Outros "hits" lançados como single da trilha-sonora de O Guarda-Costas: "I am Every Woman" (regravação de uma canção Chaka Khan), "Run to You" e "Queen of the Night" (escritas pela própria Whitney). O álbum vendeu mais de quarenta milhões de cópias em todo o mundo, com 18 milhões só nos Estados Unidos, tornando-se o álbum mais vendido por uma cantora solo, a trilha-sonora mais vendida da história e o mais vendido da década de noventa. Em março de 2005, após 13 anos de lançado, o álbum voltou as paradas de sucesso na Espanha ocupando #25. 

Em 18 de julho de 1992, Whitney se casou com o cantor Bobby Brown em Nova Jersey. Em março de 1993, deu à luz uma menina, chamada Bobbi Kristina, que canta com a mãe nas canções "My Love is Your Love" e "Little Drummer Boy". Em 1994 com a turnê mundial “The Bodyguard”, Whitney fez sua primeira apresentação no Brasil, no Rio de Janeiro, levando os fãs ao delirio quando interpretou ao vivo “I Will Always Love You” o maior sucesso de sua carreira e também cantou na cerimônia de encerramento da Copa do Mundo. 

Em 1995 Whitney atuou em outro filme, Waiting to Exhale (Falando de Amor), baseado num livro de Terry McMillans sobre as vidas de quatro mulheres afro-americanas. As outras personagens são interpretadas por Angela Bassett, Loretta Devine e Lela Rochon. O diretor do filme foi Forest Whitaker. Foi rodado na primavera de 1995 e estreou nos cinemas em dezembro do mesmo ano. Arrecadou uma estimativa de 80 milhões de dólares nas bilheterias do mundo todo. A trilha-sonora de “Waiting to Exhale” incluia três novas canções de Whitney: "Exhale (Shoop, Shoop)", "Count on Me" (dueto com CeCe Winans) e "Why Does It Hurt So Bad". O single "Exhale (Shoop, Shoop)" estreou na primeira posição dos mais vendidos tornando-se seu décimo primeiro número #1 nos EUA e o segundo single da história a estrear nessa posição. O álbum vendeu dezoito milhões de cópias no mundo todo, sendo mais de sete milhões só nos EUA. 

Seu filme seguinte, The Preacher is Wife (Um Anjo em Minha Vida), foi um remake em que protagonizou ao lado de Denzel Washington. O filme começou a ser rodado em janeiro de 1996 e estreou nos cinemas em 13 de dezembro do memo ano. Whitney estava planejando por muito tempo lançar um álbum gospel e a trilha-sonora deste filme foi a oportunidade única para fazê-lo. A trilha-sonora de “The Preacher is Wife” foi lançada um mês antes do filme e se converteu no álbum gospel mais vendido da história. Whitney canta catorze das quinze faixas do álbum, incluindo os "hits" "I Believe in You and Me" e "Step by Step".

COMPARTILHE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Scorpions - The Concert Live in Munich - Show Completo

Flagra! Chevrolet Spin renovada é vista disfarçada antes da estreia