Postagem em destaque

‘Não é porque é meu filho que vai ficar isento’, diz Bolsonaro

Jair Bolsonaro subiu agora há pouco para suas redes sociais uma entrevista gravada para o Jornal da Record em que volta a criticar as de...

terça-feira, 18 de setembro de 2018

Vice-presidente da Guiné Equatorial é queridinho do governo, artistas e do samba

O vice-presidente da Guiné Equatorial posa ao lado de Michel Temer

Em mais uma viagem ao Brasil, Teodoro Ngueme Obiang teve dinheiro confiscado e relógios de luxo poderão ir a leilão

Rio - Ele é vice-presidente de uma nação africana, comandada por seu pai, com mão de ferro, há 39 anos. É também investigado em cinco países por lavagem de dinheiro, crime pelo qual já foi condenado a três anos na França. E já frequentou a lista de procurados da Interpol, tendo mais de R$ 500 milhões confiscados em diferentes países.
Mas, no Brasil, Teodoro Ngueme Obiang, vice-presidente da Guiné Equatorial, é queridinho do governo, artistas, modelos e do samba. Em 2015, chegou a patrocinar o desfile da Beija-Flor. A agremiação de Nilópolis ganhou R$ 10 milhões para exibir as maravilhas do país e esconder a extrema miséria, a fome e a repressão que sofre o povo. Ele só não é bajulado pela Receita Federal.
Tanto que a fortuna de US$ 16 milhões (cerca de R$ 66 milhões pelo câmbio nesta segunda)), confiscada do vice-presidente, no Aeroporto de Viracopos, em Campinas, na sexta passada, deverá ficar no Brasil. Cerca de US$ 1,4 milhão (R$ 5,8 milhões) e R$ 50 mil em dinheiro vivo serão encaminhados ao Banco Central. Já os relógios cravejados de diamantes, avaliados em cerca de US$ 15 milhões, poderão ir a leilão.

Na mala foram encontrados cerca de US$ 1,4 milhão e R$ 50 mil - Divulgação
Obiang e sua comitiva foram surpreendidos por fiscais da Receita Federal quando tentavam ingressar no Brasil com a fortuna. Alegando imunidade diplomática, os africanos quiseram impedir a fiscalização da bagagem da comitiva. Entretanto, como uma das malas aparentava estar "muito pesada", os fiscais da Receita solicitaram auxílio da Polícia Federal.
O Ministério das Relações Exteriores teria tentado interceder em favor de Obiang (que tem no Facebook foto com o presidente Michel Temer), mas o dinheiro e relógios foram apreendidos. Por e-mail, a Receita se limitou a informar que não comenta o assunto. Já o Itamaraty, em comunicado, afirmou que "esteve em coordenação permanente com a Receita Federal e a Polícia Federal no acompanhamento do caso, inclusive quanto à adoção das medidas cabíveis". Obiang deixou o Brasil no domingo, levando apenas R$ 10 mil, liberados pela própria Receita.
Apesar do dinheiro vivo, os relógios confiscados impressionam. Segundo depoimento de um dos fiscais responsáveis pela operação, "foram encontrados aproximadamente vinte relógios, todos cravejados com pedras preciosas, que, posteriormente, foram avaliados em cerca de US$ 15 milhões".
A Guiné Equatorial é rica em petróleo. Porém, mais de dois terços dos cidadãos vivem com menos de US$ 1 (R$ 4,13) por dia. A expectativa de vida é de 53 anos. Enquanto isso, o governo diz ser dono de coleções de carros de luxo e grandes quantias de dinheiro. O governo de Guiné Equatorial afirmou que a viagem foi acordada com autoridades brasileiras e que não havia qualquer ilegalidade.

O pai, Teodoro Obriang Nguema Mabsong, esteve na Sapucaí, em 2015 - Maíra Coelho / Agência O Dia
Colecionador de carros e obras de arte
Extravagante, Teddy, como Teodoro Obiang é chamado no Rio, curte a vida como playboy milionário. Ele é colecionador de carros de luxo (Ferraris, Maserati e Rolls-Royce, entre outros) e de obras de arte, que incluem obras de Rodin e Monet. Mas ele gosta mesmo é dos artistas brasileiros.
Em junho do ano passado, Teddy convidou as cantoras Lexa e Ludmilla para animar sua festa de aniversário. Segundo o colunista Leo Dias, o vice-presidente é conhecido por sua generosidade com meninas bonitas e festas sem fim. Ele adora as brasileiras.
Em maio, Leo Dias também revelou que Teddy e a ex-panicat Aricia Silva estavam curtindo uma viagem de puro luxo em Las Vegas. No Instagram dele, Aricia aparece dançando e posando para fotos com o o vice-presidente. Teddy também é figura fácil no Carnaval carioca e também no de Salvador. Além de bancar a Beija-Flor, ainda patrocinou o bloco afro Ilê Aiyê, em 2013.

fonte: O Dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMPARTILHE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Entre em nosso Grupo de Notícias WhatsApp

Flagra! Chevrolet Spin renovada é vista disfarçada antes da estreia