Postagem em destaque

Finalíssima é hoje

Não tem mais como adiar o título. Nesta quarta-feira, a partir das 21h, no Maracanã, Flamengo e Fluminense enfrentam pela derradeira parti...

terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Munhoz se aposenta na GM, mas fica no Instituto GM

Munhoz se aposenta na GM, mas fica no Instituto GM



































Marcos Munhoz durante sua festa de despedida após 48 anos na GM: aposentadoria curta









Executivo trabalha há 48 anos na empresa e deixa função de vice-presidente

aposentadoria de Marcos Munhoz na GM não vai durar sequer um dia. No fim deste mês, quando deixar oficialmente o cargo de vice-presidente de relações governamentais e comunicação para América do Sul, ele vai se tornar imediatamente presidente do Instituto GM. Na quinta-feira, 5, durante festa de lançamento de novas versões do Equinox, a empresa fez uma homenagem de despedida para o executivo que trabalhou 48 anos em diversas funções na corporação. Na segunda-feira, 9, Carlos Zarlenga, presidente da GM América do Sul, nomeou Munhoz para continuar por perto, à frente do braço de ações sociais da empresa.

substituição de Munhoz por Marina Willisch já era conhecida desde o meio deste ano, já que o executivo completou 65 anos de idade e por política da corporação deveria se aposentar. Em comunicado divulgado na segunda-feira, Zarlenga expressou sua satisfação em continuar contando com Munhoz: “A GM é afortunada em ter um executivo tão brilhante e influente para ocupar essa posição no seu braço social. Estou certo de que com essa mudança teremos grandes avanços nesta área”, disse.

“É uma honra aceitar este convite. Eu sempre tive uma relação próxima ao Instituto devido aos seus projetos tão importantes para nossa sociedade. Agora, com mais tempo disponível, vou poder atuar mais diretamente nesta que é uma instituição pela qual tenho muito carinho”, comenta Marcos Munhoz.


Com 20 anos de existência, o Instituto GM atua em ações de melhoria das comunidades onde a GM tem instalações industriais, promovendo a cidadania corporativa por meio de projetos educativos e filantrópicos nas áreas de segurança, ciências, tecnologia, engenharia, matemática, sustentabilidade e voluntariado.
fonte: Automotive Business

Nenhum comentário:

Arquivo do blog