Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho 9, 2019

AO VIVO - CRP - Grande Final do Adamantina Rodeo Festival 2019

fonte: youtube/ Circuito Rancho Primaver a

AO VIVO - 33ª Festa do Peão de Americana 2019 - Sexta-Feira - 14/06

fonte:  Brasil Rural TV

AO VIVO - CRP - Adamantina Rodeo Festival 2019

fonte:  Circuito Rancho Primavera  

Greve geral fracassa no Rio - Ônibus têm circulação normal apesar do anúncio de greve

A circulação de ônibus no minicípio do Rio, desde o início desta manhã, acontece normalmente, apesar do anúncio feito pelo Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus do Rio de Janeiro (Sintraturb Rio) da paralisação por 24 horas, programada para esta sexta-feira. Pouco antes das 5h, ônibus eram vistos circulando em diversas vias do Centro. Na Central do Brasil, passageiros contaram que não tiveram dificuldades para chegar no trabalho. O despachante de veículos Wanderson Correa, de 43 anos, veio de Niterói, na Região Metropolitana, para a Central. Ele disse que não teve dificuldade para pegar o ônibus. — Normalmente pego a linha 520 até a Central. Hoje embarquei no horário de sempre. Está tudo normal — afirmou o despachante. Para a diarista Régia Leila, de 59 anos, a vinda de Nova Iguaçu para a Central teve apenas uma diferença: o ônibus estava mais vazio. — O ônibus não atrasou e fez o caminho normalmente. No entanto, percebi que menos pessoas estavam no veículo.

Greve sem fôlego: Governo Bolsonaro aposta em fiasco da greve geral nesta sexta (14)

O  governo federal  ainda duvida que a greve geral, marcada para esta sexta-feira (14/06/2019), será um  grande ato que atrairá milhões de trabalhadores  para as ruas do Brasil. O Palácio do Planalto acredita, na verdade, que o evento será fraco e a orientação é para que, nas redes sociais, simpatizantes do presidente Jair Bolsonaro (PSL) combatam qualquer tentativa de enaltecer as manifestações por militantes da oposição. O  Metrópoles  conversou com diversos parlamentares do PSL e da base do governo. Muitos chegaram a usar a palavra “fiasco” para definir o evento. A greve geral foi marcada por sindicatos, partidos e entidades estudantis contra a  reforma da Previdência que tramita no Congresso Nacional . “Você pode perceber que a primeira  manifestação contra o corte nas universidades  foi grande, mas não foi gigante. O segundo protesto já foi pífio. Na sexta será menor ainda. Não estamos preocupados com isso. Será um fiasco”, disse um líder do PSL no Congresso à reportagem

Essa é a greve do povo brasileiro? Manifestantes atearam fogo em pneus e bloquearam a Floriano Rodrigues

Floriano Na rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro (SP-123), a pista ficou interditada por cerca de 30 minutos a partir das 7h30 porque manifestantes colocaram fogo em pneus, bloqueando a pista na altura do km 13, em Tremembé. Às 8h30 o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) já havia feito a limpeza e liberação do local.  Os manifestantes são moradores do bairro Flor do Campo e protestaram contra a reforma da previdência e reivindicaram melhorias e divisão de terra. TREMEMBÉ, 7h30: manifestantes atearam fogo em pneus e bloquearam a Floriano Rodrigues Pinheiro por 30 minutos nesta sexta-feira (14) — Foto: Charles da Conceição Gomes/ arquivo pessoal fonte: G1/Vale e Região

Essa é greve do povo brasileiro? Ônibus é queimado durante a greve em Jacareí

De acordo com a Polícia Militar, ainda o veículo pertence à JTU (Jacareí Transporte Urbano) e teve perda total. O incêndio foi controlado e não houve feridos. A empresa não comentou De acordo com a Polícia Militar, ainda o veículo pertence à JTU (Jacareí Transporte Urbano) e teve perda total. O incêndio foi controlado e não houve feridos. A empresa não comentou. Um outro ônibus do transporte fretado foi queimado no bairro Jardim Santa Inês 1, também com as chamas controladas. O ato aconteceu durante a 'Greve Geral', prometida por sindicalistas e movimentos sociais e que iniciou nessa sexta-feira com paralisação de fábricas e do transporte público na região. As garagens de ônibus foram paralisadas em São José e Taubaté, sem colocar os veículos do transporte público nas ruas mesmo após uma 'briga' de  decisões judiciais  que terminou com liminares favoráveis às empresas. Assembleias foram realizadas nas duas cidades e, às 6h, nenhum ônibus saiu das garagens.

"Diarista perdeu tempo e dinheiro durante a greve"

"Além dos empresários, quem vive de diárias também tem sofrido - e muito - com a falta de transporte coletivo. Celina Souza, 43 anos, faz faxinas em diversos bairros da cidade e recebe conforme o número de diárias atendidas. Com a greve, ela calcula que já tenha perdido cerca de R$ 300 dos cerca de R$ 1,5 mil que fatura com as faxinas. “Nem quis calcular direito para não ver o estrago”, comenta Celina. Assim que soube da paralisação, a diarista diz que tentou de todas as formas uma outra alternativa de transporte. Pediu até a bicicleta da irmã emprestada para comparecer à casa dos clientes. Mas, como a irmã também precisava chegar ao trabalho, acabou dependendo dos ônibus, que demoraram muito a chegar. “Cheguei a ficar 40 minutos esperando um ônibus que normalmente chega em dez. Um dia tive que pedir uma carona para uma cliente, que me deixou no terminal. Se não, nunca ia chegar em casa”, conta. Além das longas esperas, a diarista observa que está tendo que trabalhar até ta

Faltar ao trabalho por causa da greve pode gerar punições, dizem advogados

Metrô Paraíso com pouca movimentação em dia de greve dos metroviários, em São Paulo, em 2018 (Bianca Lemos/VEJA.com) Consequências dependem, no entanto, da função do empregado e do motivo pelo qual não compareceu O trabalhador que faltar ao emprego para participar da  greve  geral contra a proposta de reforma da  Previdência,   marcada para sexta-feira, 14, pode ser punido pelo patrão, com perda do salário referente ao dia em questão e até demissão, segundo advogados consultados por VEJA. Pela Lei de Greves, de 1989, o artigo 3° coloca que: “frustrada a negociação ou verificada a impossibilidade de recursos via arbitral, é facultada a cessação coletiva do trabalho”. Assim, no entendimento de alguns advogados, a greve geral de sexta-feira não se encaixaria nessa definição. “A lei define greve quando os empregados param de trabalhar por não conseguirem resolver um problema específico negociando com o empregador. Mas a greve geral de amanhã é contra a reforma da Previdência, e

Emocionante! Bolsonaro participa em Belém do Pará na Comemoração dos 108 Anos da Assembleia de Deus no Brasil

AGORA! De Arrepiar! Bolsonaro em um dos momentos mais incríveis até hoje! Histórico! Momento de Oração e discurso do Presidente Jair Bolsonaro em Belém do Pará na Celebração e Momento Cívico em Comemoração dos 108 Anos da Assembleia de Deus no Brasil fonte;  Folha do Brasil

O Que é Indústria 4.0 e Como Ela Vai Impactar o Mundo

O que é a  industria 4.0 ?  É um conceito de indústria proposto recentemente e que engloba as principais inovações tecnológicas dos campos de automação, controle e tecnologia da informação, aplicadas aos processos de manufatura. A partir de Sistemas Cyber-Físicos, Internet das Coisas e Internet dos Serviços, os processos de produção tendem a se tornar cada vez mais eficientes, autônomos e customizáveis. Isso significa um novo período no contexto das grandes revoluções industriais. Com as fábricas inteligentes, diversas mudanças ocorrerão na forma em que os produtos serão manufaturados, causando impactos em diversos setores do mercado. Resumo das três revoluções industriais seguida pela quarta revolução, ou  industria 4.0 . O termo  industria 4.0  se originou a partir de um projeto de estratégias do governo alemão voltadas à tecnologia. O termo foi usado pela primeira vez na Feira de Hannover em 2011. Em Outubro de 2012 o grupo responsável pelo projeto, ministrado por Sieg

O novo mapa das montadoras

Em busca de incentivos, custos menores e fábricas mais modernas, a indústria automotiva ruma para o interior do País levando empregos e oportunidades que podem transformar toda a economia Um típico município do interior de São Paulo, Itirapina integra o chamado Circuito da Serra do Itaqueri, região entrecortada por morros, vales, reservas florestais, rios, cachoeiras e atrativos como a Represa do Broa. Essa paisagem se tornou o destino de muitos amantes dos esportes radicais. Mais recentemente, no entanto, ela atraiu outro público: os executivos da montadora japonesa Honda, que escolheram o local para instalar a nova fábrica da empresa no Brasil. Com um aporte de R$ 1 bilhão, a unidade entrou operação no fim de fevereiro. A cidade comemorou. Com o aumento de arrecadação, a expectativa é saltar do orçamento anual de R$ 70 milhões para R$ 150 milhões, em 2025. A pouco mais de 240 quilômetros dali, outra cidade vive dias de espera. Mas o sentimento é de incerteza. Em meados de fe