SÃO PAULO X PALMEIRAS - FINAL PAULISTÃO

Debate na Band promete estimular confronto entre candidatos nesta quinta-feira

 


Cenário para o debate eleitoral desta quinta-feira
Band

Em São Paulo, as regras definidas com a direção dos partidos prometem estimular o confronto de ideias. O encontro terá cinco blocos. Para que a discussão seja dinâmica, cada pergunta terá 30 segundos, resposta 45 segundos e réplica/tréplica 30 segundos.

“Pelas regras que foram aprovadas, haverá espaço suficiente para os candidatos se apresentarem de corpo inteiro. Isso dará mais condição ao telespectador para fazer as suas escolhas. Agora que ele está mais informado, mais sofrido nessa vivencia dramática com a pandemia e com mais condição de julgar e exigir”, ressalta Fernando Mitre, diretor nacional de Jornalismo da Band

Presenças confirmadas 

O primeiro debate da Band em São Paulo será mediado por Eduardo Oinegue. Confirmaram presença: Orlando Silva (PCdoB), Jilmar Tatto (PT), Bruno Covas (PSDB), Andrea Matarazzo (PSD), Joice Hasselmann (PSL), Márcio França (PSB), Celso Russomanno (Republicanos), Arthur do Val (Patriota), Guilherme Boulos (Psol) e Marina Helou (Rede).

“O debate é uma tradição da democracia, ele tira o candidato da estrutura do marketing, do planejamento, da câmera fixa, do treino, e coloca ele no mundo do contraditório; joga o candidato num ambiente mais informal, forçando que as ideias apareçam”, observa o cientista político Fernando Schuller.

A Band mantém a tradição e realiza nesta quinta-feira, 1º, o primeiro debate entre os candidatos a prefeito. E você eleitor pode ajudar a definir a primeira pergunta que os candidatos vão responder através da enquete neste link.


 fonte: Band Jornalismo

 

Comentários

MAIS LIDAS

A grande farsa

Traficante morre em confronto com a polícia e tráfico impõe o terror em Manaus

Gratidão, Presidente!

Duas histórias degradantes

O estapafúrdio contrato “ultraconfidencial” entre o Butantan e a Sinovac, que não especifica valor entre as partes

Chevrolet e outras podem decair ainda mais com falta de semicondutores