Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 24, 2020

Globo deve fazer nova demissão em massa, diz site

O Grupo Globo, que vem adotando um processo de reestruturação, vai promover uma nova onda de demissões em massa, segundo o portal NaTelinha, especializado em notícias da TV. Segundo o site, os executivos do Grupo Globo já foram informados que há uma extrema necessidade de demitir ou aposentar parte dos funcionários. Conforme vem noticiando o Conexão Política, desde 2019 a emissora vem realizando uma série de demissões pontuais, em meio ao projeto que funde as empresas do grupo. Ainda segundo o site NaTelinha, as novas demissões atingirão todos os escalões, de ramo executo o até os assistentes administrativos. Por meio de uma nota, a Globo afirmou que está adotando “novos modelos de gestão, de criação, de gestão de negócios, de gestão de talentos, além de produção e de distribuição de nossos conteúdos”. Leia o conteúdo na íntegra: “ Como amplamente divulgado, temos feito importantes reestruturações ao longo dos últimos anos para nos preparar para novos desafios e par

EUA enfrentam quinto dia de distúrbios violentos

Este sábado (30) é o quinto dia de distúrbios violentos nos EUA após a morte de George Floyd. Várias cidades dos  Estados Unidos  voltaram a registrar, neste sábado (30), distúrbios violentos após a morte do ex-segurança  George Floyd  durante uma abordagem policial em  Minneapolis . Apesar de alguns atos pacíficos, vídeos de novos episódios de violência já estão viralizando nas redes sociais. O procurador-geral dos EUA,  William Barr , alertou que o governo detectou a ação de  grupos ¹  alinhados à extrema-esquerda propagando caos e destruição pelo país. “Os saqueadores não devem abafar as vozes de tantos manifestantes pacíficos”,  disse ²  o presidente  Donald Trump . “Estes são ‘grupos organizados’ que não têm nada a ver com George Floyd. Triste!”, acrescentou Trump. Você pode acompanhar a cobertura em tempo real da RENOVA Mídia dos distúrbios nos EUA através do nosso  perfil no Twitter ³ . fonte: Renova Mídia

Prefeito de Minneapolis diz que vândalos são de fora da cidade

“Nossos residentes de Minneapolis estão assustados e com razão “, diz prefeito. Jacob Frey , prefeito de  Minneapolis , nos  Estados Unidos , afirmou, neste sábado (30), que a maior parte dos vândalos envolvidos nos distúrbios violentos estão vindo de “fora da cidade”. Em uma entrevista coletiva, Frey declarou: “Nossos residentes de Minneapolis estão assustados e com razão. Vimos instituições comunitárias incendiadas. E quero ser muito, muito claro. As pessoas que estão fazendo isso não são residentes de Minneapolis.” Frey disse que os protestos no início foram em grande parte pacíficos, mas “a dinâmica mudou”: “Gradualmente, essa mudança foi feita e vimos mais e mais pessoas vindo de fora da cidade. Vimos mais e mais pessoas procurando causar violência em nossas comunidades, e devo dizer que não é aceitável.” Melvin Carter , prefeito de  St. Paul , cidade ao lado de Minneapolis, disse que todos que foram presos em sua cidade na noite passada eram de fora do estad

URGENTE: Bolsonaro reage, enumera 14 motivos e avisa: “Tudo aponta para uma crise”

O presidente Jair Bolsonaro acaba de fazer a sua mais dura manifestação sobre os ataques que vem recebendo do Supremo Tribunal Federal (STF), notadamente dos ministros Celso de Mello e Alexandre de Moraes. A crise institucional parece iminente. Eis abaixo o que publicou o presidente em suas redes sociais. 1. Primeiras páginas dos jornais abordaram com diferentes destaques, as decisões envolvendo a atuação do Supremo Tribunal Federal, da Polícia Federal, do Tribunal de Contas da União e do Tribunal Superior Eleitoral em relação ao governo Bolsonaro e seus aliados. 2. O ministro do STF, Celso de Mello, fez um pedido de investigação contra o deputado federal Eduardo Bolsonaro, à Procuradoria Geral da República, por crime de incitação à subversão da ordem política ou social. A prática viola a Lei de Segurança Nacional. 3. A notícia-crime foi protocolada na Corte depois do parlamentar dizer, em um vídeo publicado nas redes sociais, que não se trata de uma questão de “se”, e s

O editorial de O Globo e a defesa da censura imposta pelo STF

Nesta sexta-feira, 29, em seu editorial, o jornal O Globo fez uma veemente defesa do Supremo Tribunal Federal (STF) e de suas últimas decisões no malfadado "Inquérito das Fake News". Confira: Manchete do Editorial do O Globo A determinação do ministro Alexandre de Moraes constrangeu e censurou jornalistas, políticos, empresários e inclusive um humorista, que receberam em suas residências, na quarta-feira (27), a visita de agentes da Polícia Federal (PF), por volta das 6h da manhã, para cumprirem 29 mandados de busca e apreensão. Segundo O Globo, o presidente Jair Bolsonaro é um dos principais responsáveis pelo 'mau estar' entre os poderes, pois “tem exercitado com grande competência a capacidade de criar tensões políticas”. “Agora, cresce em irresponsabilidade no enfrentamento inaceitável que passou a fazer ao Supremo, a mais alta Corte do país. Afrontá-la é um ataque à Constituição, à democracia”, diz o texto. O editorial ainda cita que é inacei

Reinaldo Gottino abandona CNN Brasil e volta para a Record

O jornalista Reinaldo Gottino pediu demissão da CNN Brasil e irá retornar a antiga emissora onde trabalhava, a TV Record, segundo nota da própria emissora. Novamente na TV aberta, Gottino reassumirá o comando do “Balanço Geral”, vespertino que derrotava a Globo em São Paulo no período pré-pandemia. Veja a íntegra da nota oficial da Record Reinaldo Gottino volta à Record TV e reassume o comando do Balanço Geral SP Reinaldo Gottino é o novo contratado da Record TV. De volta à emissora que marcou sua carreira, ele reassume o comando do Balanço Geral SP. A data de reestreia ainda será definida. Geraldo Luís, atualmente afastado do Balanço Geral SP em razão da pandemia, comandará, quando for possível o seu retorno, um novo projeto noturno. fonte: Conexão Política

AO VIVO - Lançamento NASA SpaceX direto EUA - (WATCH LIVE: SpaceX's 1st astronaut mission!

fonte:  SPACE (Official)

AO VIVO - VillaMix Gospel - 30/05/2020

Em Libras fonte; VillaMix

A luta do bem contra o mal

Para eles (os conspiradores e inimigos da democracia), não basta mais a tentativa de derrubar o Presidente, que vem sendo mais dificultosa do que imaginaram. Agora, tem que tentar cassar a chapa que foi eleita, para cair o Vice também. Todo mundo que enxerga as coisas por outro prisma, e que percebe a Guerra Política em que estamos desde o início do mandato de Jair Bolsonaro, avisou que a coisa chegaria a esse ponto. Mas foram chamados de paranóicos e neuróticos, além de “ala ideológica”, de olavistas, de extremistas de direita, e outros adjetivos maledicentes. O fato é que o Governo deixou de tomar a atitude que tinha que ter tomado lá no início disso tudo, assim que a coisa começou: refutar UMA A UMA as acusaçõs absurdas de ‘fake news’ na campanha eleitoral; usar da estrutura da comunicação social oficial para orientar o país sobre o que estava acontecendo; adotar postura mais ativa contra os inimigos e conspiradores, e não permanecer na inação, ou (pior) dando corda a ele

A denúncia de Lewandowski sobre o desvio de poder que tomou conta do STF

"Foi quando o sangue de Lewandowski subiu. Com o rosto vermelho, disse a Toffoli que, se o caso fosse levado ao plenário, ele denunciaria o desvio de poder que tomou conta do STF. Lewandowski recomendou ao colega que ‘pensasse bem’ antes de levar o processo a julgamento, porque ele não ficaria calado (Época, 01.10.2018). Íntegra em:  Clique aqui Essa ameaça, que beirou à chantagem, foi levada por Lewandowski à Dias Toffoli, presidente do STF, por ocasião da guerra de liminares em SET/2018. Naquele episódio Lewandowski havia autorizado, liminarmente, o jornal Folha de S.Paulo a entrevistar o ex-presidente Lula, em plena campanha eleitoral de 2018. Lula estava preso nas dependências da Polícia Federal em Curitiba. A liminar de Lewandowski havia sido cassada pelo ministro Luiz Fux. Por essa razão Lewandowski estava transtornado e colérico no momento em que ameaçou denunciar os desmandos do STF, ou seja, os desvios de poder do Supremo Tribunal Federal, que se tornaram rot

Exército chinês emite alerta assustador aos manifestantes de Hong Kong

Chen Daoxiang, chefe do exército de Pequim em Hong Kong, disse que ele e seus soldados estavam prontos para anular comícios pró-democracia.  Na foto, membros do Exército Popular de Libertação realizam exercícios durante uma manifestação no quartel Shek Kong em 30 de junho de 2018, em Hong Kong Exército chinês emite alerta assustador aos manifestantes de Hong Kong, já que está pronto para 'esmagar' qualquer manifestação contra a nova lei de segurança nacional Chen Daoxiang, chefe do exército da China em Hong Kong, disse que seus soldados estavam prontos Pequim está revendo o projeto de lei que poderia proibir comícios antigovernamentais em Hong Kong Surgiram temores de que a China pudesse assumir o controle total da cidade semi-autônoma A Grã-Bretanha está sob crescente pressão para enfrentar Pequim por causa da lei proposta O líder pró-Pequim de Hong Kong disse que a nova lei não ameaçaria as liberdades Chen Daoxiang, chefe do exército da China em Hong Kong, disse que s

Leia com atenção essa matéria - Texto da deputada sobre o PL da Censura!

1. Primeiramente, sou contra regular a internet como sou contra regular qualquer meio de comunicação, pois isso não passa de uma forma velada de censura. Portanto, esse projeto não promove nem liberdade, nem transparência. Basta lembrar que o PT tem um projeto de regular a Mídia e todos os meios comunicação e considerou um erro esse projeto não ter sido levado a cabo durante os governos Lula e Dilma. 2. O primeiro parágrafo afasta as mídias com menos de 2 milhões de usuários, deixando claro seu intento de atingir as redes sociais. 3. O objetivo do projeto é o combate à desinformação. Para tanto o projeto cria o conceito de desinformação mas esse conceito, como nao poderia deixar de ser, é completamente subjetivo, ou seja, ficará a critério de alguém, de forma arbitrária, essa decisão. Hoje já se verifica que não existem verificadores de fatos que sejam independentes. Todos tem uma posição política, sob cuja ótica enxergará a verdade ou não dos fatos. Além disso, os usuários da

Justiça atropela Crivella e suspende decreto que libera a abertura de templos religiosos

O juiz Bruno Bodart, da 7ª Vara da Fazenda Pública do Rio de Janeiro, suspendeu os efeitos do decreto que libera o funcionamento de templos religiosos de qualquer natureza, para realização de cultos, na cidade do Rio de Janeiro (RJ). A medida foi editada pelo prefeito Marcelo Crivella (Republicanos), na segunda-feira (25), mas foi questionada pela Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro e pelo Ministério Público do estado. Na decisão, em caráter liminar, o magistrado diz que “causa certa perplexidade a edição do referido ato normativo pelo município do Rio de Janeiro, já que em outros processos judiciais recentes, em que se questionam as medidas de suspensão do funcionamento de estabelecimentos comerciais, o seu respeitável órgão de representação judicial defendeu vigorosamente a necessidade das medidas de isolamento social”, argumenta Bodart. Segundo o STF determinou, Governadores e Prefeitos tem a liberdade prerrogativa de decidir sobre as questões da quarentena do

MP do RJ vai à Justiça contra decreto de Crivella que abriu igrejas

O Ministério Público do Rio entrou com uma ação civil pública para pedir a suspensão dos efeitos do decreto do prefeito  Marcelo Crivella, que libera o funcionamento de templos e igrejas na capital fluminense. Para os promotores, o ato do prefeito extrapolou a competência municipal ilegalmente e liberou uma atividade que está vetada em todo o estado. Com informações, O Antagonista. fonte: Conexão Política

Com isolamento, 1/5 das indústrias brasileiras fecham em um mês

Já as que sobrevivem por até três meses somam 67% do total. Há dificuldade de pagar impostos e salários.Resultados são de pesquisa da CNI Cerca de um quinto das indústrias brasileiras, ou 22%, têm condições financeiras de manter as atividades em funcionamento por apenas um mês se forem mantidas as medidas de isolamento social em boa parte do País. Esse é um dos resultados de pesquisa de opinião feita pela CNI (Confederação Nacional da Indústria) com industriais brasileiros. O setor corresponde a cerca de 20% do PIB do Brasil (soma das riquezas produzidas).  Outros 45% dos entrevistados disseram que podem manter as atividades com o isolamento social entre um e três meses. Ou seja, as indústrias que sobreviveriam por até três meses com a manutenção das medidas de isolamento somam 67% do total. Já 11% podem manter as atividades por quatro e cinco meses. 12% suportariam o isolamento entre seis meses e um ano. Apenas 7% por mais de um ano e 2% não responderam.  Com a situação dram