terça-feira, 19 de setembro de 2017

Detran descobre propina para aprovação em exame prático de Taubaté, SP

cfc_taubate
O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) descobriu um caso de cobrança de propina com falsa promessa de aprovação automática em exame prático da categoria B (carro) em Taubaté. 
Um instrutor do Centro de Formação de Condutor (CFC) Santa Therezinha prometeu vantagem para uma candidata mediante pagamento extra. Ao ser reprovada no exame, a cidadã contou a situação ao examinador de trânsito responsável por sua avaliação, que imediatamente reportou o fato ao Detran.
Tanto o instrutor quanto a candidata foram encaminhados ao 1º Distrito Policial de Taubaté, onde o caso foi registrado como tráfico de influência, crime previsto no artigo 332 do Código Penal, com pena de 2 a 5 anos de reclusão e multa. Segundo o Boletim de Ocorrência, o profissional confessou a prática ilícita e afirmou que não há outras pessoas envolvidas na irregularidade.
Segundo o Detran, o instrutor e a autoescola na qual ele atua terão suas atividades suspensas preventivamente por 30 dias e responderão a processo administrativo, que pode resultar em suspensão e até mesmo descredenciamento.
“O cidadão nunca deve aceitar qualquer facilidade ou promessa de vantagem no processo de habilitação. Quem presenciar ações irregulares desse tipo deve denunciar à nossa Ouvidoria”, ressalta Maxwell Vieira, diretor-presidente do Detran.SP.
De janeiro a julho deste ano, já foram realizadas 460 fiscalizações em todo o Estado. Nesse período, 63 autoescolas foram descredenciadas.
A reportagem do Meon tentou entrar em contato com o CFC Santa Terezinha, mas as ligações não foram atendidas.

fonte: Meon Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMPARTILHE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Entre em nosso Grupo de Notícias WhatsApp

Flagra! Chevrolet Spin renovada é vista disfarçada antes da estreia