Postagem em destaque

Bolsonaro fala pela primeira vez após atentado, Jovem Pan News, assista

fonte: youtube/ Jovem Pan

domingo, 8 de julho de 2018

Quem foi Whitney Houston?


Resultado de imagem para Quem foi Whitney Houston?

Quem foi Whitney Houston?


Whitney Elizabeth Houston nasceu em Newark, Nova Jérsei, em 9 de agosto de 1963. É uma famosa cantora, compositora, produtora músical e teatral e atriz norte-americana, uma das mais populares e famosas artistas das décadas de 1980 e 1990, recebendo vários Grammys, American Music Awards, Billboard Music Awards, Emmys, um MTV Video Music Award, um MTV Movie Award, um MTV Europe Music Award, o prêmio de Artist of the Decade (artista da década) e o especial Legend Award. Influenciou a carreira de várias artistas como Kelly Price, Mariah Carey, Christina Aguilera, Beyoncé Knowles, Jessica Simpson, Alicia Keys, Leona Lewis e outras cantoras da música Pop e R&B. 

Em 22 anos de carreira Whitney Houston já vendeu mais de 175 milhões de discos em todo o mundo, sendo 75 milhões somente nos Estados Unidos e 70 milhões de singles de acordo com a RIAA, totalizando mais de 245 milhões de cópias em todo o mundo. 

Em toda a sua carreira, Whitney Houston já recebeu mais de 400 prêmios, sendo a cantora mais premiada da história, certificada pelo Livro Guinness dos Recordes (Guinness World Record) em 2006. 

É reconhecida em todo mundo por ter uma das vozes mais lindas de todos os tempos, além de uma grande habilidade vocal que incluem uma imensa potência, melismas e vibratos, sendo considerada como uma voz única e lendária. 

A mãe (Cissy Houston), uma prima em primeiro grau (Dionne Warwick) e a madrinha (Aretha Franklin) eram reconhecidas cantoras de gospel/R&B/soul, o que resultou na constante presença da música na vida da jovem Whitney. 


Aos 11 anos de idade, Whitney começou a cantar no coro gospel de uma igreja batista em Newark e mais tarde acompanharia sua mãe em alguns concertos. Mesmo sendo batista, Whitney se formou numa escola católica. Depois de aparecer no álbum de 1978 da mãe, Think It Over, ela começou a cantar como apoio vocal para muitos cantores famosos, entre eles: Chaka Khan e Jermaine Jackson. 

No mesmo ano, com apenas 16 anos de idade, ela fez um dueto com Michael Zager no single "Life is a Party". No começo da década de 1980, ela começou a aparecer como modelo em várias revistas e chegou até a ser capa da "Seventeen" e "Glamour".


2002-2005: Conturbações Pessoais e Profissionais





Em dezembro de 2002 Whitney lançou Just Whitney, alcançando grande repercurssão em sua carreira devido à problemas pessoais. A cantora reconheceu à imprensa que consumia cocaína, maconha e outros tipos de drogas. O primeiro single do novo cd, "Whatchulookinat" foi um grande fracasso nos Estados Unidos talvez pelo seu tom meio agressivo onde Whitney critica a todos aqueles que falam que sua carreira está terminada e sobre os relatos de sua dependência química. Com isso a gravadora foi obrigada a distribuir "One Of Those Days", single que foi mais bem recebido e elogiado pela crítica. Logo em seguida, numa tentativa de aumentar as vendas, chegou as radios o single "Try It On My Own", uma balada autobiográfica, em Abril de 2003. No que diz respeito às love songs, o álbum traz a regravação de um grande “hit” dos anos 70, a melódica “You Light Up My Life”, que fora produzida por Baby Face e inexplicavelmente não se tornou um single. 

Em novembro de 2003, um álbum de Natal foi lançado pela cantora, One Wish: The Holiday Album. O álbum trouxe alguns clássicos natalinos cantados de forma impressionante por Whitney, a faixa inédita ficou por conta de One wish, música que dá nome ao álbum e tem o melhor do estilo gospel contemporâneo. Depois de cinco dias de estância num centro de reabilitação de drogas em março de 2004 (se repetindo em março de 2005 durante dois meses), se embarcou na turnê internacional Soul Divas com Natalie Cole e Dionne Warwick que se prolongou durante todo esse verão. Em 14 de setembro de 2004, fez uma interpretação ao vivo de "I Believe In You And Me" e "I Will Always Love You" no World Music Awards, como tributo a seu produtor e antigo amigo Clive Davis. A apresentação de Whitney foi simplesmente perfeita, consta-se que Celine Dion chorou ao ouvir Whitney interpertar as músicas e Courtney Love disse “Meu Deus, essa é a melhor cantora do mundo”. Mais recentemente os telespectadores norte-americanos tiveram a oportunidade de verem Whitney no reality-show Being Bobby Brown. Atualmente, Whitney está trabalhando no seu sétimo álbum de estúdio, que será lançado em 2009.
youtube

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMPARTILHE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Entre em nosso Grupo de Notícias WhatsApp

Flagra! Chevrolet Spin renovada é vista disfarçada antes da estreia