Postagem em destaque

Bolsonaro fala pela primeira vez após atentado, Jovem Pan News, assista

fonte: youtube/ Jovem Pan

segunda-feira, 12 de março de 2018

Atraso de 4h para show do Capital Inicial, homem é agredido por seguranças por solicitar o reembolso do valor pago

agressao_2
André Panico gravou vídeo após agressão em show neste sábado (10)
Reprodução/ André Panico/ Facebook 

Após mais de quatro horas de atraso para o início do show do Capital Inicial, neste sábado (10), no Luso Brasileiro, em São José dos Campos, um homem foi agredido, segundo ele, por seguranças após solicitar o reembolso do valor pago para assistir ao espetáculo. Ele postou um vídeo no Facebook falando sobre a agressão.

Além da vítima, muitos fãs da banda postaram na página oficial do evento no Facebook muitas reclamações sobre o tempo de espera para o início do show. Segundo as postagens, a banda estava prevista para subir ao palco por volta das 22h, mas só foi se apresentar após quatro horas de espera do público.



Um internauta disse que deixou o local do show às 1h40 da madrugada. "Um show cuja abertura dos portões se deu às 22h e era previsto pra meia noite, esperar por 4h, em pé, depois de ter levantado às 7h30 e trabalhado o dia inteiro e ir pra casa sem ver o show é o fim da picada", afirmou Saulo Fernando, em comentário na página oficial do evento.


No vídeo postado, André Panico reclama da falta de respeito com o público e aparece com as marcas da agressão. “São duas da manhã. Show atrasado e fui exigir meus direitos e os seguranças me agrediram”

Testemunhas presentes confirmam que André não teria agido de forma ofensiva e que a demora de quatro horas deixou todos frustrados. O vídeo, enviado pela esposa de André ao Meon, Nancy Nogueira, mostra a vítima sendo retirada do show por quatro seguranças, enquanto muitos fãs, que presenciaram o ocorrido, gritavam exigindo respeito.
A esposa de André afirma que o marido teria ido sozinho ao show. “Deu uma e pouco mais ou menos e nada de show. Ele disse que não ficaria, foi até a bilheteria pedir o reembolso e disseram que não iriam devolver o dinheiro, além de que outras pessoas também estavam pedindo o reembolso. Do nada, três seguranças chegaram, dois seguraram meu marido e o outro o agrediu. Ele está agora passando por uma cirurgia”. O procedimento médico acontece na manhã deste domingo, no Hospital Vivalle, em São José.
André teve fratura no nariz e, segundo a esposa de André, os exames de sangue constam que ele não teria ingerido bebida alcoólica.
"Eu estava nesse show de ontem. O pior que os patrocinadores queriam estar certos e não gostaram do povo reclamando com razão. O Dinho foi com uma história que se perdeu e ainda acabou a gasolina do carro dele. Que desculpa mas tola. Eu gosto muito do Dinho, mas nessa ele falou m...", disse Juliano Miguel, em comentário no post feito do Meon.
Joana Letícia de Moura também esteve no show e afirma que viu a agressão. "Eu estava no mezanino com meu marido e eu vi três caras batendo nele quando ele já estava imobilizado", disse.

fonte: Meon Notícias
youtube

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMPARTILHE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Entre em nosso Grupo de Notícias WhatsApp

Flagra! Chevrolet Spin renovada é vista disfarçada antes da estreia