Postagem em destaque

Donald Trump planeja comparecer na posse de Jair Bolsonaro, em janeiro

Segundo o site O Antagonista, a equipe de Jair Bolsonaro recebeu sinalização positiva sobre a possível presença de Donald Trump na posse ...

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Mais de 40 receitas com linguiças artesanais serão apresentadas ao público em Festival de Bragança Paulista

Bragança Paulista abre festival com as melhores linguiças do Brasil (Foto: Divulgação)

Linguiça artesanal, linguiça suína, linguiça de frango, frita, cozida, pura, no macarrão, no pão! O mercado de linguiça cresce exponencialmente no Brasil e, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o setor de linguiças e embutidos teve uma alta de 67,6% na última década, sendo que as linguiças representam, atualmente, 42% do mercado de carnes no País.

Com tamanho crescimento o modo de preparo das linguiças também passou por uma reinvenção! Atualmente, renomados chefs de cozinha desenvolvem receitas gourmet com linguiças artesanais, com temperos diferenciados em pratos e preparos dos mais diversos, indo além da tradicional linguiça frita ou de churrasco.

O público que aprecia uma boa linguiça ou mesmo que deseja conhecer suas diferentes formas de preparo terá a oportunidade de saborear as melhores linguiças do Brasil no 8° Festival da Linguiça de Bragança Paulista, que acontecerá de 06 a 09 de setembro, na cidade que é conhecida como a capital nacional da linguiça.

A 90 km de São Paulo, Bragança Paulista, maior produtora de linguiça do Brasil está, atualmente, em pauta na Câmara Federal, em projeto que prevê o seu reconhecimento como a capital nacional da linguiça, pela qualidade de seus produtos, com vistas a impulsionar sua divulgação, produção e atrair investimentos e turismo para o local.

Festival deste ano aguarda 40 mil pessoas, 10% a mais que em 2017 (Foto: Divulgação)

Festival deste ano aguarda 40 mil pessoas, 10% a mais que em 2017 (Foto: Divulgação)

O evento é uma iniciativa da Prefeitura da cidade de Bragança Paulista, junto à Associação dos Produtores de Linguiças e Embutidos de Bragança Paulista (ALBRAG), e aguarda por um público de aproximadamente 40 mil visitantes, 10% a mais em relação ao ano passado.

A Associação dos Produtores de Linguiças e Embutidos de Bragança Paulista conta com 12 produtores locais e se uniu, em 2016, para fortalecer o mercado e a produção local, levando não somente os produtos em si ao consumidor final, mas, informações adequadas sobre o processo de produção da linguiça para que o público em geral, cada vez mais, sinta-se à vontade para consumir o produto. De acordo com a Associação, a carne de porco já é uma das mais saudáveis entre o grupo de carnes consumidas.




Adriana Santos, associada da ALBRAG e produtora local, fala sobre a 
mudança no uso da linguiça na culinária. “Atualmente temos linguiças muito mais sofisticadas, linguiças gourmet com temperos e iguarias nobres, além das linguiças cada vez mais saudáveis, feitas à base de carnes magras e com baixo teor de gorduras. É preciso adaptar o mercado aos diferentes paladares e no nosso festival vamos apresentar ao público o melhor da linguiça em suas diferentes versões”, explica a associada.

Linguiça de mil formas - A linguiça pode ser a base de muitos pratos para todos os gostos, alguns exemplos e ideias que poderão também ser conferidos no Festival de Bragança Paulista, são: Batata rosti com linguiça calabresa, queijo e requeijão; temaki de linguiça; escondidinho de linguiça; pastel de linguiça; rondelli de linguiça com molho fresco; bolinho de linguiça calabresa recheado com provolone; feijão tropeiro com linguiça defumada; polenta com linguiça; parmegiana de linguiça com fritas; macarronada com linguiça ao molho sugo; linguiça apimentada; linguiça cuiabana; linguiça com pimenta biquinho; linguiça com tomate seco; entre tantas outras combinações que atendem aos mais diferentes paladares, dos mais simples e caseiros aos mais requintados.

O Festival apresentará pratos à base de linguiça, além de doces típicos (Foto: Divulgação)

O Festival apresentará pratos à base de linguiça, além de doces típicos (Foto: Divulgação)

Um pouco de história: As linguiças de Dona Palmyra – A história da 
linguiça de Bragança Paulista não seria a mesma sem a atuação marcante 
de uma figura ilustre, Dona Palmyra Bodrini, de origem italiana, que chegou com a família na cidade na década de 1910. O sabor incomparável das linguiças produzidas pela D. Palmyra levou a fama da linguiça bragantina para várias regiões dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Em São Paulo os restaurantes frequentados pela elite da capital, localizados próximo à estadão Luz, assim como hotéis requintados, sempre serviam as linguiças de D. Palmyra. Com isso, a contribuição dessa mulher foi fundamental para que Bragança Paulista chegasse, nos dias atuais, a ser reconhecida como a capital nacional da linguiça.

O Festival da Linguiça de Bragança Paulista acontecerá no conhecido parque Posto de Monta, rodeado por uma grande área verde. A entrada é gratuita e o evento contará com stands de produtores locais de linguiça, música ao vivo com bandas regionais, doces típicos, entretenimento, espaço kids e muito mais.

O Festival estará aberto ao público de 06 a 09 de setembro de 2018, das 18h às 22h no dia 06 e das 10h às 22h nos dias 07, 08 e 09.

Para outras informações os interessados podem acessar a fan page do 
Festival: www.facebook.com/festivaldalinguicadebragancapaulista.


fonte: G1

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

COMPARTILHE