Postagem em destaque

Oscar 2019 - 1ª mulher indígena como melhor atriz? "Roma" já era um dos filmes mais comentados do ano

Antes mesmo de ser visto pela primeira vez,  Roma  já era um dos filmes mais comentados do ano. Dado como certo na competição do Festival...

Não achou a matéria? Pesquise aqui!

segunda-feira, 25 de junho de 2018

Febre entre os jovens, K-Pop mistura vários estilos musicais

Resultado de imagem para Febre entre os jovens, K-Pop mistura vários estilos musicais

Coreografias misturam street dance, stiletto, pop, balada, eletrônico.
Dança é alternativa para jovens que não gostam de se exercitar.


Vídeo SBT
Bem Estar desta sexta-feira (13) trouxe um ritmo diferente para o programa: o K-Pop. Já ouviu falar? É uma dança coreana que virou febre também no Brasil. As coreografias misturam street dance, stiletto, pop, balada, eletrônico e hip-hop. Participaram do programa a pediatra e médica do esporte Ana Lúcia de Sá e o coreógrafo Ivaldo Bertazzo.
O K-Pop atinge principalmente os jovens entre 15 e 25 anos. Os grupos são formados só por meninos ou só por meninas, poucos são mistos. No Brasil, os grupos são uma espécie de covers dos ídolos coreanos.
Esse tipo de dança é uma alternativa para os jovens que não gostam de se exercitar. A dança é uma atividade física que queima caloria, melhora a coordenação motora e o humor. “Ter a possibilidade de fazer atividade física, mesmo que duas vezes por semana, é muito legal”, lembra a doutora Ana Lúcia.
Hoje, o risco de um adolescente obeso se tornar um adulto obeso é o dobro, se comparar a uma criança obesa. Por isso, o importante é se exercitar. Seja na onda do K-Pop ou qualquer outro ritmo.

fonte: G1/Bem Estar

Nenhum comentário:

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

COMPARTILHE