Postagem em destaque

Obra da ponte estaiada em São José começa na segunda; veja o que muda no trânsito e no transporte durante a construção

Maquete digital da ponte estaiada que será construída no trevo do Colinas, zona oeste de São    Maquete digital da ponte estaiada que s...

domingo, 30 de abril de 2017

Corpo de Belchior chegará em Fortaleza na segunda e será enterrado no Cemitério Parque da Paz

Show no Centro Cultural São Paulo em 1988. Foto: Ana Cristina Leme/Estadão


Cantor e compositor morreu na noite de sábado, 29, em Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul; veja o itinerário dos velórios e cerimônias
(Atualizado às 21h14) FORTALEZA* - O corpo de Belchior, músico morto na noite deste sábado, 29, será velado em Sobral, cidade de nascimento do o músico, e Fortaleza, onde viveu entre os 16 e 25 anos, quando se mudou para o Rio de Janeiro. 
De Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul, última morada, o corpo seguirá de avião até Fortaleza. A previsão de chegada é às 5h desta segunda-feira, 1. Em seguida, um novo voo levará  Belchior até Sobral, cidade onde ele nasceu e viveu até os 16 anos. O Velório será realizado no Teatro São João, entre 7h e 10h.
Belchior
Na sequência, o corpo será encaminhado para Fortaleza, onde será realizado um velório no Centro Cultural Dragão do Mar, localizado na antiga região portuária da cidade, e local que abriga o festival Maloca Dragão, entre 12h de segunda e 7h de terça-feira, 2. 
No mesmo local, às 7h de terça, 2, ocorre uma missa de corpo presente em homenagem ao cantor morto aos 70 anos de idade. Em seguida, o corpo segue para o Cemitério Parque da Paz, em carro do corpo de bombeiros. O encerro está marcado para 9h. 
*O repórter viajou a Fortaleza a convite do festival Maloca Dragão 


Corpo do músico é transportado por funerária
PORTO ALEGRE - Eram cerca de 15h30 quando o carro da funerária Halmenschlager ingressou na garagem da casa em que ele morava. A frente da residência foi bloqueada pela polícia militar. O preparo do corpo foi feito na cidade vizinha de Cachoeira do Sul, sede da funerária.

fonte: Estadão
Postar um comentário

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

COMPARTILHE