Postagem em destaque

Fique atento! Criminosos disfarçados de funcionários da EDP aplicam golpes em São José, SP

Criminosos disfarçados de funcionários da EDP, concessionária de energia que atende 19 cidades da região, aplicam golpes em clientes em ...

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Despedida do Zé Roberto do Palmeiras, assista completo

Resultado de imagem para despedida de ze roberto

"Acho que o clube vai entender minha situação de ter vivido 25 anos como atleta profissional, mas também vou ter meu período de conciliar coisas que vão agregar ao clube e à minha família. Minha esposa é muito sensível e me conhece muito bem", completa Zé Roberto. 



Zé Roberto: "Minha esposa vai me dar uns puxões de orelha, porque sempre esperou esse tempo para que eu pudesse ter mais tempo para a minha família. No sentido de poder levantar de manhã, ter a felicidade de levar meu filho para a escola. Participar de reuniões de escola, ter um fim de semana para ir com eles ao shopping, cinema. Mas como minha esposa me conhece tanto quanto minha mãe, ela sabe que esse ambiente é o que mais gosto na minha vida". 

Zé Roberto fala sobre Roger Machado:

"Acho que vai facilitar muito porque o conheço há muito tempo, ele era da minha geração. Trabalhei com ele no Grêmio, quando joguei dois anos e meio lá. Pude perceber o potencial que ele poderia ter desde o início, até porque trabalhou com vários treinadores e tirou um pouquinho de cada. Luxemburgo, Felipão... Ele chega ao Palmeiras como um treinador mais maduro, que vai agregar muito ao clube. Por eu conhecê-lo e conhecer o grupo também, serei ali um ponto de equilíbrio no sentido de passar coisas positivas aos jogadores e ao treinador".
"Não tivemos nenhuma conversa ainda, somente aceitei o cargo. Primeiramente quero sair de férias, ter um período mais próximo da família. Faltando uma semana para as férias, quero estar com eles. Nessa semana, vou conversar com a diretoria, Alexandre, Cícero, para ver qual é o planejamento do início do próximo ano", diz Zé Roberto.

Zé avisa que vai tentar manter a forma mesmo sem jogar:
"Não é que eu vou largar a máquina agora. Não vou ter a carreira como jogador de alta performance, então tenho de me policiar. Não vou ter a regra de treinamentos para queimar as gorduras, mas vou me policiar para fazer um planejamento de treinos nos horários que puder. Para dar continuidade, acho que a saúde é muito importante de cuidar". 

fonte: Globoesporte
youtube
Postar um comentário

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

COMPARTILHE