ANUNCIE SEU PRODUTO - ENQUETE - "Você concorda com a cota para Negros nas Universidades?" - VOTE É FÁCIL E RÁPIDO e-mail net4eduardo@gmail.com - ANUNCIE SEU PRODUTO - email net4eduardo@gmail.com -

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Sucesso! Hopi Hari reabriu neste sábado com visitantes de todas as idades

Resultado de imagem para hopi hare 2017 karnak

Com lotação máxima de 5 mil visitantes, o Hopi Hari agora tem menos filas e mais diversão; veja como foi o primeiro dia dessa nova temporada do parque

Hoje é dia de dizer "Bon bini". Afinal, como canta o hino do chamado 'país mais divertido do mundo': "a aventura vai começar" – e ela já começou! Isso porque, pontualmente, às 11h deste sábado (5) o Hopi Hari reabriu as suas portas.

Localizado na Rodovia dos Bandeirantes, em Vinhedo, o parque temático paulista volta, a partir de hoje, a funcionar das 11h às 20h30. Revitalizado e totalmente reestruturado, o Hopi Hari traz novidades nessa nova fase.

O 'país mais divertido do mundo' agora reabriu as suas fronteiras: reinauguração do Hopi Hari foi um sucesso


Nicolas Iory/iG São Paulo
O 'país mais divertido do mundo' agora reabriu as suas fronteiras: reinauguração do Hopi Hari foi um sucesso

Uma das diferenças é que, agora, só serão permitidos 5 mil visitantes por dia no parque. Com isso, a administração promete menos filas e mais diversão. De acordo com o público, essa a promessa já foi cumprida logo no dia da reinauguração.


O Vulaviking é um dos brinquedos mais populares do Hopi Hari; para curtir a atração, é preciso coragem!

Nicolas Iory/iG São Paulo
O Vulaviking é um dos brinquedos mais populares do Hopi Hari; para curtir a atração, é preciso coragem!

"Agora está muito melhor por causa do limite de 5 mil visitantes. As filas estão menores e dá para aproveitar mais", afirmou ao iG o estudante Marcos Vinicius, de 18 anos, que não perdeu tempo e presenciou a reabertura do parque.


Visitantes tiraram selfies com os personagens que animaram o primeiro dia da nova fase do Hopi Hari

André Jalonetsky/ iG São Paulo
Visitantes tiraram selfies com os personagens que animaram o primeiro dia da nova fase do Hopi Hari

Ele chegou por volta das 11h30, pouco após a abertura dos portões, e já tinha conseguido aproveitar quatro atrações por volta das 13h. Enquanto recuperava o fôlego após desembarcar do Vulaviking (popularmente conhecido como o 'barco viking'), o jovem disse que esta já é sua terceira visita ao parque.
Além de Vinícius, outros ansiosos visitantes correram para conseguir ingresso para o primeiro dia dessa nova temporada. E s e engana quem pensa que o parque atrai apenas o público jovem. Muitas famílias, casais, idosos e turistas foram vistos pela reportagem do iG planejando a próxima parada de divertimento.


O público do Hopi Hari neste primeiro dia de reinauguração foi composto de jovens, crianças, adultos e idosos

Nicolas Iory/iG São Paulo
O público do Hopi Hari neste primeiro dia de reinauguração foi composto de jovens, crianças, adultos e idosos

Os primeiros visitantes foram recebidos pessoalmente pelo atual presidente do parque temático, José David Xavier, que, inclusive, era um dos retratos da animação onipresente no parque. Tietado várias vezes por Hopifãs que queriam tirar selfies ao seu lado, Xavier não se conteve e também entrou na brincadeira: tratou de ocupar um dos assentos do Katapul, monta-russa radical que vai de 0 a 80km/h em segundos.

Excelente opção de divertimento

Em um evento para a imprensa, realizado antes da inauguração, o novo presidente garantiu que até 84% das atrações já estariam em funcionamento nesse sábado, marca que não é atingida há muitos anos.


Xavier aproveitou a animação dos visitantes e comemorou a reabertura do parque sentando em um dos assentos do Katapul

Nicolas Iory/iG São Paulo
Xavier aproveitou a animação dos visitantes e comemorou a reabertura do parque sentando em um dos assentos do Katapul

O lema hoje é o de “oferecer a melhor experiência possível para quem visitar o parque”, proposta que vale para agradar os antigos fãs do parque e também cativar aqueles que nunca puderam ir ao parque.


'Hora do Horror' deste sábado deve ser uma das mais aterrorizantes e divertidas da história do Hopi Hari

André Jalonetsky/ iG São Paulo
'Hora do Horror' deste sábado deve ser uma das mais aterrorizantes e divertidas da história do Hopi Hari

“Quem passava aqui quando era criança hoje está casado, está com filhos... E há muitos casos de pessoas que se conheceram aqui, que deram o primeiro beijo no parque. Então isso tem uma memória afetiva muito forte e a gente quer resgatar esses momentos e ao mesmo tempo conquistar muita gente que não conhecia o parque, que está totalmente reformulado. É uma excelente opção de divertimento na região”, afirmou Xavier.


Giramundi é a roda gigante do Hopi Hari e esses foram os primeiros visitantes a passar por lá neste sábado

André Jalonetsky/ iG São Paulo
Giramundi é a roda gigante do Hopi Hari e esses foram os primeiros visitantes a passar por lá neste sábado

O ingresso agora custa R$ 150, mas garante acesso a todas as atrações em funcionamento,  
cerca de 80% do quadro geral, sem pagamentos extras.

Noite de sustos e risadas

O pôr do sol em Vinhedo trouxe consigo um clima de suspense e terror no parque. Uma das atrações mais amadas pelos fãs do parque, a Hora do Horror começou às 18h30 aterrorizando visitantes desavisados com o espetáculo "Karnak - Maldição da Tumba".


Atores caracterizados como múmias, e guardiões ligados ao antigo Egito espalharam-se pelo parque

Nicolas Iory/iG São Paulo
Atores caracterizados como múmias, e guardiões ligados ao antigo Egito espalharam-se pelo parque

Dezenas de atores caracterizados como múmias, guardiões e diversos outros personagens ligados ao antigo Egito espalharam-se pelo parque durante a noite. A atração contou com iluminação e efeitos sonoros especiais.
Já assustado após deixar o também aterrorizante labirinto do medo Katakumb, o estudante Tiago Silva Huffenbaecher, de 17 anos, partiu em disparada ao ser surpreendido por um ator fantasiado como o deus Anúbis.
Tiago celebrou o fato de o Katakumb não ser mais uma atração cobrada à parte. "Eu já vim algumas vezes ao Hopi Hari, mas nunca tinha entrado lá porque era pago. Valeu muito a pena vir de novo por isso", diz o estudante, que prometeu tentar não fugir da próxima vez que for perseguido por um 'monstro'. "Foi ridículo mesmo", confessou aos risos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

RANCHO D' AJUDA

POSTAGEM EM DESTAQUE

AO VIVO - Rodeio Final Quintana - 2017

AS MAIS VISTAS

Seguidores

COMPARTILHAR POSTAGENS