PEÑAROL X CORINTHIANS

“O único exemplar da Constituição que o STF tinha, Rosa Weber entregou a Bolsonaro”, diz Lacombe

 


O apresentador e jornalista Luis Lacombe divulgou um vídeo no YouTube, explicando, detalhadamente, como os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) têm sentenciado, de forma, parcial os processos e atos que a eles chegam.

Ele lembrou que, em novembro de 2018, Jair Bolsonaro – ainda como presidente eleito – fez uma visita de cortesia a, então, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber. Ganhou dela um exemplar da Constituição da República Federativa do Brasil e a impressão que ficou era de que a ministra estava entre aqueles que acreditavam que Bolsonaro não respeitaria a lei máxima do país, o Judiciário e o Legislativo.

“Até hoje, muita gente acha que é Bolsonaro quem vai mandar prender, censurar, instaurar uma ditadura. Procuram em todos os seus atos, em todas as suas palavras alguma relação com o nazismo, com o fascismo... Enquanto isso, a recessão democrática que o ministro Edson Fachin “botava” na conta do Executivo vai sendo alimentada pelo próprio Supremo Tribunal Federal (STF)”, disparou.
“Todos os juristas, procuradores e advogados que entrevistei, no último ano, têm a mesma opinião: o inquérito das Fake News é ilegal, inconstitucional; como foi também o fatiamento do processo de impeachment da presidente Dilma que teve a digital de Ricardo Lewandowski”, explicou.

E, agora, para ter “paz de espírito”, Gilmar Mendes espera anular processos contra Lula. Não importa se estão sendo usadas para isso mensagens eletrônicas obtidas, ilegalmente, e que nunca foram periciadas.

“Ressalto apenas que a suprema benevolência é só para alguns”, completou.
“Lembrando o exemplar da Constituição que Rosa Weber entregou a Bolsonaro parece que era o único que o STF tinha. Sem o livrinho, os ministros criaram uma lei máxima bem particular”, finalizou.

Confira o vídeo:

Comentários

MAIS LIDAS

Gratidão, Presidente!

Duas histórias degradantes