Ciro alerta Heleno que China e Rússia estão na vizinhança do Brasil

Ciro alerta Heleno que China e Rússia estão na vizinhança do Brasil


Ciro Gomes (PDT), ex-governador do Ceará, renovou ataques, nesta terça-feira (26), contra o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, através das redes sociais.
Ciro afirmou que, entre outras coisas, Heleno suja o nome das Forças Armadas “ao defender a pior bandidagem corrupta, ligada às milícias, que representa Bolsonaro”.
Em uma série de mensagens no Twitter, Ciro apresentou uma narrativa antiamericanista inflamada, criticando¹ a aproximação entre Brasil Estados Unidos durante o governo Jair Bolsonaro.
“É ou não é verdade que o Brasil aceitou colocar um general no vice-comando das forças sul dos EUA? Violando uma história de soberania de nossas Forças Armadas?

É ou não é verdade que o Brasil aceitou manobras militares com americanos na nossa Amazônia para provocar uma nação vizinha?”
Ciro ainda alertou o general da reserva do Exército Brasileiro que os principais rivais americanos — China e Rússia — estão na nossa vizinhança:
“É ou não verdade que essa provocação gerou a chegada de Chineses e Russos na Venezuela com equipamentos militares, ameaçando a integridade de nosso território e a nossa soberania nacional?”
Mais cedo, o ministro Augusto Heleno havia rebatido críticas recentes de Ciro através do Twitter, alertando² que o membro do PDT era “inimputável por ser débil mental”.

fonte: Renova Mídia

Comentários

MAIS LIDAS

Gratidão, Presidente!

Duas histórias degradantes